Só para relaxar......

Só para relaxar......

31 de março de 2011

Porque ter um aquário em casa.........

Em qualquer canto da casa você pode manter um aquário, desde um pequeno, com apenas alguns poucos litros, até grandes tanques com algumas centenas ou milhares de litros. Tudo depende de quanto você dispõe de espaço, dinheiro e experiência para manter seu hobby. O simples fato de observar os peixes em seu aquário por alguns minutos pode aliviar todo estresse e as tensões do dia a dia, pois nele você tem um pequeno pedaço da natureza dentro de sua casa.
Esses são benefícios que foram comprovados através de algumas pesquisas realizadas em países como Inglaterra e Estados Unidos, onde pacientes com histórico de problemas psicológicos e até mesmo psiquiátricos tiveram grande melhora em seus quadros de saúde após serem submetidos a sessões de observação de aquários.

Para aqueles que querem ter um bichinho de estimação, mas trabalham o dia inteiro e só voltam para casa a noite, o aquário também é uma ótima opção, pois você precisa alimentar seus peixes somente uma ou duas vezes ao dia. Qualquer outra eventual manutenção pode esperar até o fim de semana para ser feita.  
Até mesmo se precisar viajar no fim de semana, você não precisa se preocupar porque um aquário bem estabilizado, onde os peixes foram bem alimentados, pode facilmente ficar até uma semana sem comida, sem maiores prejuízos para seus peixes.
Se o tempo de ausência for maior, não há problemas pois existem no mercado alimentadores automáticos que fazem a função de dar comida em seu lugar, em horários pré determinados, em programações que podem chegar a mais de um mês



Com seu aquário montado e funcionando, chega o grande momento de escolher os peixes. Você vai até a loja mais próxima e entra decidido a levar vários peixes coloridos para casa. Até aí tudo muito fácil, mas quando você começa a olhar para aquela infinidade de aquários e peixes diferentes aparecem as dúvida: Que peixe devo levar? Quantos peixes posso levar? Como saber se o peixe escolhido está saudável?
Nessa hora é fundamental que você não compre por impulso e tente conversar bastante com o lojista para tirar o máximo de dúvidas possíveis.
Ao escolher seus peixes, procure saber:
1. se a espécie escolhida tem alguma necessidade especial com relação ao PH, temperatura ou qualquer outra restrição com relação a qualidade da água;
2. se as espécies escolhidas são compatíveis entre si (algumas espécies são inimigas naturais e não podem conviver em um aquário comunitário);
3. se os peixes que você está levando têm alguma necessidade especial com a alimentação (alguns peixes comem somente alimentos muito específicos e não são indicados para iniciantes);
4. o quanto irá crescer o peixe que você escolheu, porque muitas vezes, um peixinho lindo e colorido é somente um filhote, mas quando cresce pode virar literalmente um gigante desastrado em seu lindo aquário.
Após levar em consideração os tópicos acima, e com as espécies de peixe já selecionadas, você deve observar os seguintes itens para saber se o peixe que você vai levar está saudável:
1. Observe atentamente o peixe para verificar se ele está bem ativo e se ele nada sem problemas (normalmente peixes apáticos e/ou com dificuldades para nadar estão doentes);
2. Observe as guelras do peixe para ver se ele respira normal e pausadamente (respiração acelerada ou peixe respirando insistentemente na superfície d’água são sinais de que algo não está bem); 
3. Observe se os peixes estão com alguma marca ou lesão no corpo ou nas nadadeiras, como pôr exemplo, tufos de algodão ou pintinhas brancas, ou mesmo se as nadadeiras estão se desfazendo (esses são sinais de fungos, bactérias patogênicas ou parasitas);
 4. Observe se o peixe não está se coçando ou se esfregando no fundo do aquário ou nas pedras da decoração (esses são sinais de infestação por parasitas);
 5. Se possível, peça para o lojista alimentar os peixes na sua presença e verifique se eles se alimentam normalmente (peixes com o apetite normal são peixes saudáveis).
Com essas dicas e a ajuda do lojista você tem tudo para começar de pé direito na hora de escolher e levar seus peixes para casa.


Aquelas letras retinhas.......

Código de barras é uma representação gráfica de dados numéricos ou alfanuméricos. A decodificação (leitura) dos dados é realizada por um tipo de scanner - o leitor de código de barras -, que emite um raio vermelho que percorre todas as barras. Onde a barra for escura, a luz é absorvida; onde a barra for clara (espaços), a luz é refletida novamente para o leitor. Os dados capturados nessa leitura óptica são compreendidos pelo computador, que por sua vez converte-os em letras ou números humano-legíveis.
História
Às 8:01 da manhã de 7 de outubro de 1974, um cliente do supermercado Marsh's em Troy, no estado estadunidense de Ohio, fez a primeira compra de um produto com código de barras. Era um pacote com 10 chicletes Wrigley's Juicy Fruit Gum. Isso deu início a uma nova era na venda a varejo, acelerando as caixas e dando às companhias um método mais eficiente para o controle do estoque. O pacote de chiclete ganhou seu lugar na história e está atualmente em exibição no Smithsonian Institute's National Museum of American History . Aquela compra histórica foi o ponto de partida para quase 30 anos de pesquisa e desenvolvimento.
O primeiro sistema para codificação automática de produtos foi patenteado por Bernard Silver e Norman Woodland, ambos estudantes graduados pelo Drexel Institute of Technology (Instituto de Tecnologia Drexel), atualmente (Drexel University). Eles usaram um padrão de tinta que brilhava debaixo de luz ultravioleta. Esse sistema era caro demais e a tinta não era muito estável. O sistema usado hoje foi descoberto pela IBM, em 1973, e usa leitores criados pela NCR.
O uso do código de barras - uma prática ligada à automação de processos nas empresas - levou cerca duas décadas para ser universalizado. Na Europa, segundo dados da EAN International, até 1981 poucos dos 21 países filiados à entidade utilizavam efetivamente o código. Em 1985, cerca de 92% das lojas automatizadas em todo o mundo estavam concentradas em somente seis países.
No Brasil, o Código Nacional de Produtos (código de barras) foi introduzido formalmente em 29 de novembro de 1984, através do decreto nº 90.595 do Presidente da República. A portaria nº. 143 do Ministério da Indústria e Comércio, de 12/12/1984, conferiu à então Associação Brasileira de Automação Comercial (ABAC), atual GS1 Brasil a missão de orientar e administrar o novo código em todo o país.
Em Portugal, o código de barras surgiu em 1985, sendo utilizado até hoje.
Códigos numéricos e alfanuméricos
Os códigos de barras dividem-se em dois grupos: os códigos de barras numéricos e os alfanuméricos (sendo os alfanuméricos capazes de representar números, letras e caracteres de função especial ao mesmo tempo). Os códigos de barras são diferenciados entre si pelas regras de simbologia. Cada simbologia trata como os dados serão codificados

Aniversário de Cristina

Papai do Céu achou que meu ciclo de amizades estava pouco...*rs, ai me deu mais uma amiga, a Cristina, e hj é o aniversário dela, e eu desejo muitas felicidades nesta data querida.

Um cheiro bom.......de Arruda

Cultivo de plantas medicinais/plantas de jardimArruda   
Nome científico: Ruta graveolen L
Família: RUTACEAE   

Também é denominada como arruda-fedorenta, arruda-doméstica, arruda-dos-jardins, ruta-de-cheiro-forte.   
Subarbusto muito cultivado nos jardins em todo o mundo, devido às suas folhas, fortemente aromáticas. Atinge até um metro de altura, apresentando haste lenhosa, ramificada desde a base. As folhas são alternas, carnudas, glaucas, compostas, de até 15 cm de comprimento. As flores são pequenas e amareladas. O fruto é capsular, de quatro ou cinco lobos, salientes e rugosos, abrindo-se superior e inteiramente em quatro ou cinco valvas.   
Cultivo   
Clima: Se adapta bem a qualquer clima.
Luminosidade: Sol pleno.
Solo: Pobre, pedregoso, seco, bem drenado, rico em matéria orgânica. Responde à adubação nitrogenada em cobertura.
Propagação: Sementes e estaquia de ramos novos.   

Modo de usar 
Uso externo: Folhas, por infusão (20g para 1 litro de água): Micose, sarna, piolhos.    
Uso de Cataplasma: Varizes, flebites, abcessos. Embora tenha acção estimulante, anti-espasmódica, emenagoga e estomáquica, a arruda é considerada uma planta potencialmente perigosa e sua ingestão, por infusão das folhas, deve ser moderada. Não deve ser ingerida após as refeições, por ser emética.   

Indicações Terapêuticas

Uma crença popular de raiz africana, remontando aos tempos coloniais, dita que os homens usem um pequeno galho de folhas por cima de uma orelha, ou que um galho das mesmas seja mantido no ambiente, para espantar maus espíritos.   
Desde a antiga Grécia, era usada para afastar doenças contagiosas. Os escravos africanos usavam-na contra mau-olhado. A igreja, no início da era cristão, fazia raminhos de arruda para espargir água-benta nos fiéis. Suas folhas são utilizadas como chá com fins calmantes. Na forma de infusão (20 gramas para um litro de água), ou empregando-se as folhas secas em pó, combate os piolhos.    
Repelente de insectos e ratos, a planta não deve ser ingerida, pois é altamente tóxica. Mulheres grávidas também não devem usá-la, pois é abortiva e causa confusão mental, convulsões e dores violentas nos intestinos. Seu uso deve ser restrito ao externo sob forma de cataplasmas para pernas varicosas ou alívio de dores de ciática (passando antes óleo para não irritar a pele).

Tsumani errou de endereço ????????

Achei essa foto linda e fui procurar aonde era..........Esse é o quarto maior lago do mundo, agora é um cemitério poeirento de embarcações que nunca mais zarparão...
Mar de Aral era um lago de água salgada, localizado na Ásia Central, entre as províncias cazaques de Aqtöbe e Qyzylorda (ao norte), e a região autônoma usbeque de Caracalpaquistão (ao sul). O nome (em português, Mar das Ilhas) refere-se à grande quantidade de ilhas presentes em seu leito (mais de 1500). Este já foi o quarto maior lago do mundo com 68 000 km² de superfície e 1100 km³ de volume de água, mas em 2007 já havia se reduzido a apenas 10% de seu tamanho original, e em 2010 estava dividido em três porções menores, em avançado processo de desertificação.
A outrora próspera indústria pesqueira foi praticamente destruída, provocando desemprego e dificuldades econômicas. A região também foi fortemente poluída, com graves problemas de saúde pública como consequência. O recuo do mar também já teria provocado a mudança climática local com verões cada vez mais quentes e secos, e invernos mais frios e longos.
Atualmente, existe um esforço contínuo no Cazaquistão para salvar e recuperar o norte do Mar de Aral. Como parte deste esforço, um projecto de uma barragem foi concluída em 2005 e em 2008 o nível de água nesse local já havia subido doze metros a partir de seu nível mais baixo em 2003.A salinidade caiu e os peixes são encontrados em número suficiente para tornar a pesca viável. No entanto, as perspectivas para o mar remanescente do sul permanece sombria, tendo sido chamado de "um dos piores desastres ambientais do planeta".

 
A superfície do Mar de Aral já reduziu em 60% do seu tamanho e em cerca de 80% do seu volume. Em 1960, o Mar de Aral era o quarto maior lago do mundo, com uma área aproximada de 68 000 km ², e um volume de 1 100 km ³. Em 1998, caiu para 28 687 km ², o oitavo maior lago do mundo. Durante o mesmo período, a salinidade do mar aumentou cerca de 10 g/l para cerca de 45 g/l.
Em 1987, a redução gradual dos níveis de água acabaram dividindo o lago em dois volumes separados de água, ao norte do Mar de Aral e ao sul do Mar de Aral, o último por sua vez, dividido na zona central e na porção ocidental. Embora um canal tenha sido construído para ligar o norte e o sul, a conexão foi perdida em 1999 devido à queda cada vez mais acentuada das águas.
No entanto, foram feitas obras para preservar o norte do Mar de Aral, incluindo a construção de barragens para garantir a preservação de um fluxo constante de água doce. Em outubro de 2003, o governo do Cazaquistão anunciou um plano para construir uma barragem de concreto, a barragem Kokaral chamado para separar as duas metades do Mar de Aral, de modo que pudesse aumentar o nível de água nesse pedaço de terra original e reduzir os níveis de salinidade, o objetivo foi alcançado em 2007. Por razões econômicas, o sul do Mar de Aral foi abandonado à sua sorte. Em sua agonia, está deixando enormes planícies de sal, que produzem tempestades de areia, que  chegam a lugares distantes como o Paquistão e o Ártico,e fazem os invernos mais frios e os verões mais quentes. Uma das tentativas para atenuar esses efeitos é a plantação de vegetação no fundo do mar antigo, a terra agora.
No verão de 2003, o sul do Mar de Aral estava desaparecendo mais rápido do que o previsto. A superfície está apenas 30,5 metros acima do nível do mar (3,5 metros menor do que planejado no início dos anos 90), e a água tem uma salinidade 2,4 vezes maior do que o oceano. Nas partes mais profundas do mar, as águas mais baixas tem maior concentração de sal do que as águas superficiais, formando dois tipos de água que não se misturam uns com os outros. Portanto, apenas o aquecimento da superfície do mar no verão e se evapora mais rapidamente do que o esperado. Estimativas baseadas em dados recentes, a parte ocidental do Mar de Aral Sul vai desaparecer nos próximos quinze anos (2003), enquanto a parte oriental poderia ser mantida, de forma precária, por tempo indeterminado.

O ecossistema do Mar de Aral e dos deltas dos rios que deságuam nele está praticamente destruído, em grande parte pela alta salinidade. Além da terra, em torno do mar ser muito poluída, as pessoas que vivem na região sofrem de escassez de água doce, juntamente com vários problemas de saúde. A contração do mar fez extensas planícies cobertas com sal e produtos químicos tóxicos, que são levadas pelo vento para as áreas habitadas. A população, perto do Mar de Aral tem uma alta incidência de certas formas de câncer e doenças pulmonares, entre outras doenças, possivelmente devido a alterações no DNA culturas tradicionais também estão sendo destruídas por depósitos de sal na terra. A cidade de Moynaq no Uzbequistão, no passado foi um movimentado porto da indústria pesqueira que empregava cerca de 60 000 pessoas. Hoje a cidade está longe muitas milhas da costa nova. Os barcos de pesca estão encalhados em terra nas planícies que foram outrora o fundo do mar. Muitos desses barcos estão abandonados há mais de vinte anos. A única empresa pesqueira que continua na região se encarrega de importar peixes do oceano Pacífico, a milhares de quilômetros.
A tragédia do Mar de Aral foi contada no filme Psy (Псы, "Dogs"), Dmitri Svetozarov (URSS, 1989). O filme foi gravado em uma das cidades fantasmas da costa, entre os edifícios e navios abandonados.

Alguém tem fotos de 2011???

30 de março de 2011

Coquetel azul ????

Lagoa Azul
Ingredientes:

1/2 dose de Martini branco
1/2 dose de Curaçao Blue
Champanhe
Cerejas para decorar
Preparo:
Em uma taça flúte, coloque o Martini, o Curaçao e complete com champanhe.
Enfeite com a cereja

Receita de Abacaxi flambado à moda do Caribe

Ingredientes
  • 1 abacaxi
  • 1/2 xícara (chá) de nozes pecãs descascadas e cortadas ao meio
  • 1/2 xícara (chá) de coco ralado
  • 1/2 xícara (chá) de manteiga sem sal
  • 1/2 xícara (chá) de açúcar mascavo
  • 5 colheres (sopa) de rum escuro
  • Sorvete de creme para acompanhar
Modo de preparo
  • Aqueça o forno a 190ºC.
  • Corte as folhas e a base do abacaxi e descasque de cima para baixo, seguindo a curvatura da fruta.
  • Corte o abacaxi na transversal, em 12 fatias finas, e retire o miolo com o cortador de massa.
  • Ponha as nozes pecã numa forma de bolo e o coco ralado em outra, espalhando por igual tanto as nozes como o coco.
  • Torre os dois no forno por cerca de 5 minutos, mexendo de vez em quando com a colher de pau, para que dourem por igual.
  • Deixe esfriar.
  • Para flambar o abacaxi, aqueça a frigideira até derreter e junte o açúcar.
  • Cozinhe em fogo baixo, por cerca de 2 minutos, mexendo com a colher de metal até o açúcar derreter.
  • Acrescente o abacaxi e cozinhe por 5 minutos até as fatias amaciarem, virando-as uma vez.
  • Salpique as nozes pecã torradas sobre o abacaxi.
  • Aumente a chama para fogo médio.
  • Junte o rum e leve à fervura.
  • Encoste um palito de fósforo aceso na frigideira, para que o rum pegue fogo.
  • Regue o abacaxi com a calda por 3 minutos, enquanto as chamas diminuem.
  • Arrume 2 fatias de abacaxi em cada prato de sobremesa e acrescente uma bola de sorvete.
  • Despeje algumas colheradas da calda de rum e nozes pecã sobre a fruta.
  • Espalhe o coco tostado e sirva imediatamente.


Que poder é esse!!!!


também na cor preta e vermelha, mas amei esses dois.....

Olhe com outro olhar......

"Às vezes quando tudo dá errado acontecem coisas tão maravilhosas que jamais teriam acontecido se tudo tivesse dado certo"

Anuncio de Namoro.....quero um

Matéria publicada em um jornal (Leia também a resposta da pretendente ).

Homem descasado procura....


Homem de 40 anos, que só gosta de mulher, após casamento de sete anos, mal sucedido afetivamente, vem através deste anúncio, procurar mulher que só goste de homem, para compromisso duradouro, desde que esta preencha certos requisitos:
O PRETENDIDO exige que a PRENTENDENTE tenha idade entre 28 e 40 anos, não descartando, evidentemente, aquelas de idade abaixo do limite inferior, descartando as acima do limite superior.
Devem ter um grau razoável de escolaridade, para que não digam, na frente de estranhos: 'menas vezes', 'quando eu si casar', 'pobrema no úter', 'eu já si operei de apênis', 'é de grátis', 'vamo de a pé', 'adoro tar com você' e outras pérolas gramaticais.


Os olhos podem ter qualquer cor, desde que sejam da mesma e olhem para uma só direção.
Os dentes, além de extremamente brancos, todos os 32, devem permanecer na boca ao deitar e nunca dormirem mergulhados num copo d'água.
Os seios devem ser firmes, do tamanho de um mamão papaia, cujos mamilos olhem sempre para o céu, quando muito para o purgatório, nunca para o inferno.
Devem ter consistência tal que não escapem pelos dedos, como massa de pão.


Por motivos óbvios, a boca e os lábios, devem ter consistência macia, não confundir com beiço.
A barriga, se existir, muito pequena e discreta, e não um ponto de referência.
O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE seja sexualmente normal, isto é, tenha orgasmos, se múltiplos melhor, mas mesmo que eventuais, quando acontecerem, que ela gema um pouco ou pisque os olhos, para que ele sinta-se sexualmente interessante. Independentemente da experiência sexual do PRETENDIDO, este exige que durante o ato sexual a PRETENDENTE não boceje, não ria, não fique vendo as horas no rádio relógio, não durma ou cochile.
O PRETENDIDO exige que a PRETENDENTE não tenha feito nenhuma sessão de análise, o que poderia camuflar, por algum tempo, uma eventual esquizofrenia.


A PRETENDENTE deverá ter um carro que ande, nem que seja uma Brasília, ou que tenha dinheiro para o táxi, uma vez que pela própria idade do PRETENDIDO, ele não tem mais paciência para levar namorada de madrugada para casa.


Enviar cartas com foto recente, de corpo inteiro, frente e costas, da PRETENDENTE, para a redação deste jornal, para o codinome: 
'CACHORRO MORDIDO DE COBRA TEM MEDO ATÉ DE BARBANTE'.


Resposta da Pretendente, publicada dias após, no mesmo periódico Cearense :

Prezado HOMEM DESCASADO...
Li seu anúncio no jornal e manifesto meu interesse em manter um compromisso duradouro com o senhor, desde que (é claro) o senhor também preencha outros 'certos' requisitos que considero básicos! Vale lembrar que tais exigências se baseiam em conclusões tiradas acerca do comportamento masculino em diversas relações frustradas, que só não deixaram marcas profundas em minha personalidade, porque 'graças a Deus', fiz anos de terapia, o que infelizmente contraria uma de suas exigências!


Quanto à idade convém ressaltar que espero que o senhor tenha a maturidade dos 40 anos e o vigor dos 28, e que seu grau de escolaridade supere a cultura que porventura tenha adquirido assistindo aos programas do 'Show do Milhão'...!


Seus olhos podem ser de qualquer cor desde que vejam algo além de jogos de futebol e revistas de mulher pelada. E seus dentes devem sorrir mesmo quando lhe for solicitado que lave a louça ou arrume a cama. Não é necessário que seus músculos tenham sido esculpidos pelo halterofilismo, mas que seus braços sejam fortes o suficiente para carregar as compras. Quanto à boca, por motivos também óbvios, além de cumprir com eficiência as funções a que se destinam, as bocas no relacionamento de um casal devem servir, inclusive, para pronunciar palavras doces e gentis e não somente: 'PEGA MAIS UMA CERVEJA AÍ, MULHER!'. A barriga, que é quase certo que o senhor a tenha, é tolerável, desde que não atrapalhe para abaixar ao pegar as cuecas e meias que jamais deverão ficar no chão. Quanto ao desempenho sexual espera-se que corresponda ao menos polidamente à 'performance' daquilo que o senhor 'diz que faz' aos seus amigos! E que durante o ato sexual, não precise levar para a cama livros do tipo: 'Manual do corpo humano' ou 'Mulher, esse ser estranho'!


No que diz respeito ao ítem alimentação, cumpre estar atualizado com a lista dos melhores restaurantes, ser um bom conhecedor de vinhos e toda espécie de iguarias, além de bancar as contas, evidentemente. Em relação ao carro, tornam-se desnecessários os trajetos durante a madrugada, uma vez que, havendo correspondência nas exigências que por ora faço, pretendo mudar-me de mala e cuia para a sua casa ... meu amor!!!

ass: A COBRA

29 de março de 2011

Música para a cura da Alma

‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven destrói células cancerígenas

A ‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven é uma das mais famosas composições da música clássica e, segundo um novo estudo brasileiro, pode ajudar a curar o cancro.
A pesquisa, levada a cabo pelo Programa de Oncobiologia da Universidade Federal do Rio de Janeiro, analisou células MCF-7, ligadas ao cancro da mama. Ao expor as referidas células ao famoso tema, uma em cada cinco acabou por morrer, o que entusiasmou os envolvidos.
O estudo, que teve início em Maio de 2010, está a permitir que se desenvolvam novas perspectivas de cura de tumores malignos, recorrendo a timbres e frequências, esclarece o jornal ‘O Globo’.
Já na página oficial da unidade de Oncobiologia da referida univesidade, a responsável do estudo, Márcia Capella, esclarece que já se usaram outras composições musicais, masnem sempre com os mesmos resultados.

“Iniciámos o nosso trabalho usando três composições: a ‘Sonata para 2 Pianos em Ré Maior’, de Mozart [conhecida por causar o ‘efeito Mozart’, um aumento temporário do raciocínio espaço-temporal de um indivíduo], a ‘Quinta Sinfonia’ de Beethoven e ‘Atmosphères’ [do húngaro  György Ligeti], uma composição contemporânea, que se caracteriza principalmente pela ausência de uma linha melódica que traduza o tema”, afirma.
Segundo a especialista, a composição de Mozart não provocou nenhuma alteração nas células, mas as de Beethoven e Ligeti causaram a morte de em média 20% delas, além da “diminuição de tamanho e granulosidade”.

O facto de Mozart não ter provocado nenhuma reacção está a espantar os responsáveis, já que suas composições estão entre as mais utilizadas na musicoterapia.
“Ainda precisamos estudar melhor os mecanismos destes efeitos, ou seja: porque apenas alguns tipos de células são sensíveis a estas músicas? E por que apenas alguns tipos específicos de músicas provocam efeitos? Fizemos testes também com a MDCK, uma célula não-tumorigénica, e com linfócitos, e elas não responderam a estes estímulos sonoros”, reconhece Márcia Capella.
O objectivo é conseguir usar as frequências sonoras como processo de cura, em vez de outros mais violentos como radioterapia.

Como água na boca

 a pêra possui propriedades nutricionais de extrema importância para o nosso organismo, além de ajudar a tratar e prevenir doenças.

As propriedades nutricionais

Ela é rica em fibras, que auxiliam na digestão e evitam prisão de ventre.  Possui vitamina A que auxilia na manutenção da boa visão e vitamina C, que é antioxidante. Dos minerais possui potássio que dá energia e atua na contração muscular, fósforo, fortalecendo os neurônios e batimentos cardíacos, ferro, que ajuda na formação da hemoglobina combatendo a anemia, cálcio, que ajuda na formação de dentes e ossos e na prevenção de hipertensão, magnésio, também atuando na hipertensão, e enxofre que aumenta a resistência contra bactérias e evita o ressecamento da pele graças a elastina.

As propriedades medicinais

A pêra é muito útil para prevenção de câncer de cólon, bexiga, próstata e endométrio. Também previne doenças cardiovasculares e diabetes.
É ótima no tratamento de hipertensão, ingeri-la frequentemente ou tomar seu suco faz com que a pressão arterial baixe, além de exercer uma ação diurética que purifica todo o organismo.
Ela também tem sido empregada com sucesso como coadjuvante no tratamento de inflamações da bexiga, problemas digestivos e prisão de ventre.
A pêra no emagrecimento
Estudos demonstram que o consumo da pêra ou seu suco nas dietas de emagrecimento ajudam a emagrecer mais rápido e a perder barriga, isso porque  contém muitas fibras que ajudam na sensação de saciedade, além de conter um açúcar chamado levulose, que é mais doce que os outros e ajuda a reduzir a vontade de comer doces.

Como consumir

A melhor maneira é consumir a fruta in natura, principalmente agora que é a fruta da estação sendo mais doce e suculenta, mas seu suco também é muito saboroso, principalmente quando feito junto com suco de limão, o que tira o excesso de doce e ajuda a não oxidar tão rapidamente, pois o suco da pêra escurece (oxida) muito rapidamente!
Também pode ser consumida em saladas de frutas, doces, geléias, tortas, etc

Pera ao vinho com chocolate

Para 4 pessoas


4 peras sem casca cortadas em fatias finas como canoas (ou meia lua)
1 1/2 copo de vinho tinto (eu uso canção mesmo)
1 colher de sopa de açúcar
1 pitada grande de canela em pó
1 barra de chocolate ao leite de 170gr.

Descasque e pique as peras em forma de canoas finas. coloque em uma panela, acrescente o vinho, o açucar e a canela. misture um pouco e leve ao fogo alto até ferver. quando ferver, reduza o fogo, mexa um pouco mais e espere o vinho reduzir até quase evaporar completamente (cuidado pra não queimar o fundo). Coloque o chocolate picado no microondas por 40 segundos. veja se derreteu ,se preciso leve por mais 20 segundos até derreter todos os pedaços. coloque a pera em pequenas vasilhas e cubra com o chocolate derretido. sucesso absoluto!!!

Ex-vice-presidente José Alencar morre aos 79 anos

 O ex-vice-presidente da República, José Alencar, morreu no início da tarde desta terça-feira, no Hospital Sírio-Libanês, aos 79 anos, após intensa luta contra o câncer que o acompanhou por quase 14 anos e marcante presença como fiel escudeiro do presidente Lula durante dois mandatos completos (2003-2006 e 2007-2010).
Dono de personalidade forte e opiniões contundentes, que por muitas vezes iam em direção contrária aos conceitos do governo -como no caso da defesa pela redução da taxa de juros-, o empresário que seguiu os rumos da política quando já era milionário se tornou, mais do que um importante apoio a Lula, um símbolo de força, representada por sua luta contra o câncer após seguidas internações e cirurgias.
Casado com Mariza Campos Gomes da Silva, José Alencar deixa três filhos.
A luta contra o câncer
Em 1997, através de um check-up, Alencar descobriu tumores na região abdominal - rim e estômago. Após cirurgia, o vice-presidente deixou o hospital sem os dois carcinomas, sem um rim e sem três quartos do estômago, mas sem precisar de quimioterapia nem radioterapia.
Em 2002, durante a campanha eleitoral, Alencar descobre um câncer de próstata durante check-up semestral. Nova cirurgia e, de novo, o empresário não precisou passar por sessões de quimioterapia ou radioterapia.
Em 2006, mais um check-up e outra má notícia: um tumor retroperitonial (porção posterior do abdome). Enquanto os outros eram carcinomas, esse era um sarcoma, que tira, mas ele volta. A nova cirurgia foi feita em Nova York. Mas desta vez, Alencar precisou passar por sessões de quimioterapia.
Em 2007, o tumor no peritônio voltou e Alencar passou por nova cirurgia.
Em 22 de janeiro de 2009, o vice-presidente foi internado para realização de exames. Três dias depois, Alencar foi submetido a uma cirurgia que durou cerca de 18 horas para retirar tumores na região abdominal.
Após receber alta, 27 dias depois de ser internado, ele disse em entrevista: "Não tenho medo da morte, porque não sei o que é a morte. A gente não sabe se a morte é melhor ou pior. Eu não quero viver nenhum dia que não possa ser objeto de orgulho", afirmou. "Peço a Deus que não me dê nenhum tempo de vida a mais, a não ser que eu possa me orgulhar dele".
No dia 9 de julho, Alencar voltou a ser internado no Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para se recuperar de uma cirurgia para corrigir uma obstrução intestinal causada por tumores abdominais. Durante a operação, a 14ª, os médicos retiraram dez tumores, mas ao menos oito ainda permaneceram.
Duas semanas depois, o vice-presidente recebeu alta. Sorrindo e demonstrando ânimo, Alencar deu uma entrevista coletiva no saguão do hospital: "A minha guerra é contra o câncer. Essa última batalha não foi fácil. Estou saindo agora vitorioso dessa batalha, mas a guerra continua", disse.
Cerca de 12 horas depois, o vice-presidente voltou a ser internado com fortes dores para corrigir uma semi-obstrução do intestino grosso identificada na altura do reto. Alencar passou então pela 15ª cirurgia.
No final de 2010, prestes a completar seu segundo mandato como vice-presidente, chegou a ter seu tratamento interrompido devido ao seu estado crítico, que o impediu, inclusive, de comparecer a cerimônia de posse da sucessora de Lula, Dilma Rousseff.

Enfim, um jeito melhor de tomar chá......no banho

Banhos quentes e massagens ajudam a desintoxicar a pele

Pequenos passos deixam a pele bonita e jovem por mais tempo

Com o fim do verão, é muito importante remover as células mortas que se acumularam em nossa pele e também cuidar da desintoxicação de nossos poros. Essas duas medidas são essenciais para que a nossa pele se mantenha jovem e saudável, sem perder o brilho e o tônus precocemente. Nesse artigo, pretendo mostrar como desintoxicar de maneira prática e eficaz.

Primeiro passo

Massagear gotinhas de óleo de gergelim no corpo. Se puder fazer sauna ou colocar um plástico, que também pode ser papel filme enrolado no corpo, cubra com cobertor e tome chá quente que pode ser chá verde.Tome três xícaras para ajudar na desintoxicação. Você pode deixar do lado uma bacia com pétalas de flores e coloque água gelada e faça compressas no rosto e pescoço e testa. Transpirar faz bem elimina as toxinas do corpo. Depois seque e massageie a borra do café e em todo o corpo. Retirar com água corrente. Procure usar sabonete só nas regiões íntimas. Borrifar o corpo com chá verde no final desse processo. 
Usar gotinhas de óleo e massagear o corpo com a buchinha vegetal,ajuda a ativer a circulação de nossa pele.
Segundo passo

Massageie muito as mãos e os pés para estimular pontos que vão ajudar a trabalhar a circulação e a oxigenação dos tecidos. Com o polegar, pressione o centro da mão e circule e deslize em direção ao punho e depois ao contrário. Depois repita o procedimento com os pés . Pise bem na curva do pé em um pau de macarrão e deslize os pés tentando abraçar. Você pode fazer o
exercício sentado. Ou pise em uma bolinha de tênis e estimule este ponto dos pés bem na curva para ajudar no retorno do sangue venoso. 
Use também chás Outra dica bacana é durante o banho usar gotinhas de óleo e massagear o corpo com a buchinha vegetal, ativando bem a circulação da pele. Depois use o banho de espuma de sua preferência e sinta o aroma bem relaxante se for dormir ou estimulante se for a uma festa ou energizante se for namorar. Você pode também preparar um chá e jogá-lo sobre você depois do banho.

Veja os chás mais indicados para cada ocasião.
Chá de camomila: tomá-lo e jogar sobre o corpo e sentir e respirar profundamente, pode ser quente. (calmante).
Chá de maracujá pode ser feito com a polpa. (energizante)
Chá de morangos (estimulante)
Chá de Gengibre natural (estimulante) Chá de canela (equilíbrio) Chá de hortelã ou menta Refrescante e sinta a respiração profunda. 
Chá de erva doce (ternura)
Chá verde (desintoxicação)
Chocolate com menta (amor e paixão)

Cuidem-se com os chazinhos e estimulem cada vez mais os sensoriais para sentirem os prazeres da vida. Até a próxima, quando iremos falar sobre máscaras faciais para a correção da pele.

28 de março de 2011

Aprendendo......

Você deve segurar a taça pela haste, não importa o tamanho, a forma da taça e o tipo de vinho. O erro mais comum ao se beber vinho é segurar a taça pelo bojo. Pois ao segurar assim, o calor de sua mão aquece a bebida.

Segurar a taça pelo bojo, não altera o gosto da bebida mas se você tentar ver a cor e a textura do vinho, não será possível pois as marcas dos seus dedos atrapalharão.

Então já sabe, a forma correta de segurar a taça é pela haste, entre o polegar e o indicador. E ao servir nunca encher o copo, e sim um pouco menos da metade.


1 - JAMAIS segurar a taça pelo bojo.

2 - Prestar atenção cada vez que tomar um vinho. Horas de copo só acrescentam experiência se você prestar atenção. Cheire, cheire e cheire.

3 - Fazer anotações. Ninguém tem memória suficiente para tudo, deixe a sua para os números de telefone mais importantes.

4 - Trocar experiências com outros enófilos. Fazer parte de grupos de degustação e fóruns de discussão também acrescenta muito conhecimento.

5 - Avisar aos amigos das descobertas de bom custo-benefício.

6 - Apresentar o maior número possível de pessoas ao mundo do vinho.

7 - Não ficar repetindo o mesmo vinho. Arrisque-se, experimente sempre vinhos diferentes, boas surpresas virão.

8 - Saber se comportar. Freqüentar degustações e salões de vinhos, mas apenas provar cada vinho. Não tenha pena de jogar o resto da sua taça fora. Salão não é boca livre de vinhos para embebedar-se e quem está ali trabalhando em pé há horas não merece ficar aturando bêbado chato pedindo mais uma dose...

9 - Vigiar-se dia e noite para não se tornar um enochato.

10 - Ignorar solenemente os enochatos.

 

Meus Parabéns

Mulher, negra e juíza

Primeira mulher negra a se tornar juíza no Brasil, Luislinda Dias Valois dos Santos afirma que ainda existe muito preconceito no País

O título de primeira mulher negra a se tornar juíza no Brasil é apenas um dos que a magistrada baiana Luislinda Dias de Valois Santos somou ao longo de sua carreira no Judiciário.
Aos 68 anos de idade, 26 anos de magistratura e 51 anos  de serviço público, inclusive na área federal, como procuradora autárquica, Luislinda já foi homenageada e premiada em diversas esferas públicas e entidades no País e no exterior pelos projetos de inclusão e acesso à Justiça desenvolvidos nas comarcas por onde passou - e foram 11, além da atual, na capital do estado, Salvador.
Consciente de que é parâmetro de sucesso para a raça negra, defende o sistema de cotas (mas não indefinidamente), acredita que a Lei contra o Racismo ainda não é muito bem utilizada e afirma que o preconceito existe, sim, no Brasil, apesar das tentativas de se esconder isso. "Quem quiser saber o que é ser negro, fique negro por apenas 24 horas" é sua máxima para quem duvida de que exista discriminação racial no País.
Luislinda Valois já foi vítima de preconceito no exercício da magistratura, mas afirma que com "simplicidade, lhaneza  e altivez" sempre resolveu essas situações. Seu único lamento - e desafio constante - é ainda não ter se tornado desembargadora no Tribunal de Justiça da Bahia.
Nesta entrevista concedida por e-mail à Visão Jurídica, a juíza Luislinda Valois fala de Direito, raça, preconceito e do seu modo de ver a vida. "Sou lutadora, tenho uma vida reta", afirma a magistrada que já recebeu as alcunhas de juíza maleira, porque não tinha espaço para trabalhar; juíza euquipe, porque não tinha funcionários e Ruy Barbosa de Saia, o que dispensa explicações.
Visão Jurídica - A senhora foi a primeira mulher negra a ser tornar juíza no Brasil. Qual o impacto disso na sua vida e na profissão?
Luislinda Dias de Valois Santos - Não levo em conta se sou a primeira ou a última mulher negra a ser juíza no Brasil. Para mim, o que interessa é ter coragem de dizer o que precisa ser dito a tempo e a hora. E isso eu faço porque sou totalmente independente, aliás, só dependo de Deus e dos meus Orixás. Minha vida e minha profissão sempre foram, são e serão pautadas no labor pelo bem da humanidade.
VJ - A senhora se considera um símbolo ou um exemplo para o movimento negro?
LDVS - Não sou nem uma coisa nem outra, apenas luto e lutarei enquanto forças tiver, para ver, não apenas o negro, mas todos os excluídos  - cadeirantes, gays, lésbicas, prostitutas, simpatizantes  - atendidos por políticas públicas reais e verdadeiras.
VJ - O que a motivou a escolher o Direito e a carreira da magistratura?
LDVS - Creio que fui estimulada a fazer Direito e depois tornar-me magistrada por causa das palavras discriminatórias do meu professor, que  tentou me fazer acreditar que eu seria uma boa cozinheira em virtude dos meus pais não terem comprado o material de desenho que ele havia indicado. Ditas palavras me chegaram aos ouvidos quando eu tinha apenas 9 anos de idade em plena sala de aula.
VJ - O Judiciário brasileiro é preconceituoso? Por quê?
LDVS - O Judiciário não é preconceituoso, apenas nos seus quadros existem, como em todas as esferas, profissionais preconceituosos.
Vale dizer que  o Judiciário brasileiro não tem o histórico de grande número de magistrados negros integrarem os seus quadros. A situação fica mais difícil quando  constatamos que durante a sua existência, pelo menos que eu saiba, nenhum Tribunal  pátrio teve um presidente negro, mas já  é perceptível que a situação está mudando, até porque o negro está mais unido e lutando pelos seus direitos,   sem esquecer suas obrigações e seus deveres.
Todavia, quero crer que muito em breve teremos  mais negros não apenas ocupando espaços de execução e apoio, mas  exercendo cargos de ministros de Estado, presidentes de Tribunais, governadores, prefeitos, presidente da República, senadores, executivos de empresas multinacionais, procuradores  etc., até porque também somos competentes; falta-nos apenas oportunidade.

Os olhares de Outono Inverno 2011

"Os olhos vão pedir cores menos cítricas e mais sóbrias, como o verde escuro, marrons e laranja queimado". Azul marinho e ameixa devem ser acrescentadas à paleta de sombras.

Nesta temporada outono-inverno, as tendências de maquiagem convergem para o minimalismo, que pretende dominar a moda nas ruas e nos rostos das mulheres. Isso não quer dizer que você vai aposentar a sua nécessaire e seus produtinhos milagrosos, mas apenas que a estação diz 'não' ao exagero.

Segundo os maquiadores Bruno Padovan e Yone Motta, a pele será homogênea e a evidência ficará reservada aos olhos e lábios, mas não ao mesmo tempo. Tons terrosos e cores mais escuras vão dominar os olhares, e a boca será puxada para o vinho.




Mas, antes de começar qualquer produção, Padovan chama a atenção para a hidratação da pele. "Com a queda da temperatura, o corpo tende a perder sua umidade natural, principalmente por causa do excesso de banhos quentes", diz o profissional, que recomenda o uso de produtos de maquiagem com filtro solar.


27 de março de 2011

Falta de tudo...... Etiqueta, educação e respeito pelos clientes.

Ex-funcionária de hipermercado ganha indenização por ter sido chamada de 'macaca'



A rede de hipermercados Walmart Brasil(Vitória-ES) foi condenada a pagar uma indenização de mais de R$ 100 mil a uma ex-funcionária por danos morais e descumprimento de leis trabalhistas. A mulher, de 26 anos, foi chamada de "macaca" e de outros termos constrangedores por outros funcionários, inclusive por meio do sistema de alto-falantes do estabelecimento. A decisão foi dada pela juíza do Tribunal Regional do Trabalho (TRT/ES), Suzane Schulz Ribeiro.

A condenação foi dada em 2007. A empresa tentou recorrer da sentença, mas os recursos foram negados no Tribunal Regional e no Tribunal Superior do Trabalho (TST). O processo foi transitado em julgado no dia 15 de dezembro de 2010 e no último dia 17 o advogado da ex-funcionária foi comunicado oficialmente sobre o depósito do valor da indenização.

Afrodescente, ela prestou serviços ao hipermercado Walmart, localizado na Reta da Penha, em Vitória, entre junho de 2005 e dezembro de 2006. Nesse período, ela foi vítima de diversos constrangimentos e resolveu dar entrada em um processo no Tribunal Regional do Trabalho do Espírito Santo (TRT/ES) pedindo uma indenização por ter sido ofendida diante de clientes e de outros funcionários.

Em depoimento, a vítima de racismo disse que durante todo o tempo que trabalhou no supermercado era tratada por "tartaruga" e "preguiçosa", inclusive pelos seus superiores hierárquicos, como confirmou em depoimento. Disse ainda que uma outra funcionária a constrangia pelo alto-falante da loja, inclusive a chamando de "macaca".

Desrespeito às leis trabalhistas

Além dos danos morais, a sentença do processo também determina o pagamento de indenização por descumprimento de leis trabalhistas. A juíza Suzane Schulz Ribeiro condenou a empresa pelo não pagamento de horas extras e não consideração de intervalos para descanso durante a jornada.

O Walmart se defendeu, na época, alegando que as acusações eram "fruto da imaginação" e recorreu da sentença. Uma testemunha foi ouvida pela juíza e confirmou os constrangimentos. Segundo a testemunha ouvida, as ofensas referentes a cor da pele, ao tipo físico da mulher e à forma de trabalho eram feitas pelo sistema de alto-falantes do supermercado.

Os pedidos de recurso da empresa foram negados no TRT e no TST. O Walmart fez o depósito da indenização no último dia 15 de março. Um alvará necessário para a liberação do dinheiro deve ser expedido até abril, de acordo com o advogado, Fabiano Herkenhoff. Com os juros e a correção monetária, com base na data da condenação, o valor da indenização de R$ 100.893,21 subiu para cerca de R$ 148 mil.

A reportagem telefonou para o número de atendimento à imprensa do Walmart disponível no site da empresa, mas as ligações não foram atendidas. A assessoria de imprensa da rede também foi acionada via email, mas não houve  resposta até o fechamento desta reportagem.
Não é a primeira vez que essa rede de supermercado impõe esse tipo de contrangimentos á seus clientes. Já deveria ter tido uma nova postura.
Criança Não nasce racista...